Frase de Florbela Espanca


Imagem da Frase:



Os versos que te fiz 
 
 Deixa dizer-te os lindos versos raros 
 Que a minha boca tem para te dizer! 
 São talhados em mármore de Paros 
 Cinzelados por mim para te oferecer 
 
 Têm dolência de veludos caros, 
 São como sedas pálidas a arder... 
 Deixa dizer-te os lindos versos raros 
 Que foram feitos pra te endoidecer! 
 
 Mas,meu Amor,eu não tos digo ainda. 
 Que a boca da mulher é sempre linda 
 Se dentro guarda um verso que não diz 
 
 Amo-te tanto!E nunca te beijei... 
 E nesse beijo,Amor,que eu não dei 
 Guardo os versos mais lindos que te fiz! (Florbela Espanca)
Mais frases populares de Florbela Espanca

Sobre o Autor:
Florbela Espanca
Florbela Espanca


Nascimento: 8 de dezembro de 1894

Morte: 8 de dezembro de 1930 (36 anos)

Ocupação: Poeta

Biografia: Florbela Espanca, batizada como Flor Bela de Alma da Conceição Espanca, foi uma poetisa portuguesa. A sua vida, de apenas trinta e seis anos, foi plena, embora tumultuosa, inquieta e cheia de sofrimentos íntimos que a autora soube transformar em poesia da mais alta qualidade, carregada de erotização, feminilidade e panteísmo.

Frase do Dia

Todos veem o que você parece ser. Mas poucos sabem o que você realmente é.

Autores populares